13 de junho de 2011

O Nome da Rosa

Fazia um bom tempo que estava para assistir "O Nome da Rosa", estava um pouco receosa sobre esse filme, contudo ao assistir fiquei extremamente satisfeita.

O filme é baseado no livro de Umberto Eco, que se passa na última semana de novembro de 1327 num mosteiro do século XIII onde ocorrem assassinatos misteriosos.

Este mesmo local, onde ocorrem tão sinistros assassinatos, receberá uma importante discussão, e resolução de um impasse, entre duas ordens distintas do clero da época: os franciscanos, que pregam a simplicidade e humildade, e os beneditinos, que vivem de uma forma luxuosa.

O personagem central William de Baskerville é um franciscano, porém é também um homem de conhecimento, justo, e apegado a "razão", contrastando com os valores pregados pela Igreja. Possuidor de um astrolábio, um quadrante e lentes de aumento, o autor completa a figura de William como um filósofo e um pensador, não sendo então, um joguete da igreja.

Seu pupilo Adson, é jovem, sua juventude e inocência, o protegem de ser manipulado, e sua visita a abadia faz com que ele conheça uma jovem garota, que devido a sua pobreza é usada pelos monges para satisfazer seus desejos sexuais em troca de alimento. Adson se apaixona por ela, e tem sua primeira experiência sexual, esse acontecimento lhe trás um elo entre o que ocorre fora da vida eclesiástica, lhe trazendo a realidade dos gentios explorados pela Igreja.

Assim, William e Adson, como Sherlock Holmes e Watson, tentam buscar por meios lógicos os culpados dos assassinatos que ocorrem na abadia, em meio a histeria da crença de obras demoníacas.

O nome do filme tem referência na expressão usada na Idade Média que servia para denotar o infinito poder das palavras, mas para mim em uma das cenas finais, essa expressão muda de sentido denotando a "eterna dúvida". Enredo interessante e completo, cenários bem construídos, boas atuações, personagens profundos e bem elaborados, e uma história que prende do começo ao fim, fazem com certeza valer a pena assistir a esse filme!