4 de julho de 2010

Desabafo


Estou dançando sua doce melodia,
Estou olhando para frente de meu futuro.
Eu tenho um pequeno segredo
Que te faz ficar aqui,
Perdida em meus braços.
É estranho que o amor tenha nos rendido
Estamos andando por entre abismos frenéticos.

A última tempestade já passou,
Existem lágrimas nos olhos escuros de Cupido
Estamos em busca de uma saída
Para fora deste paraíso de nossos corações.

Sonâmbulo eu ando através de seus sonhos
Eu estou ensandecido dentro da sua mente
Eu te possuo aos poucos e de forma subjetiva,
Eu te perdoo em um abraço,
E nos ferimos com beijos tocados de amor e ciúme.

É estranho imaginar que você tenha partido
Mesmo que possa imaginar seus passos
Eu sei que nunca saiu de seu quarto cheio de bonecas
Eu esperava um beijo, mas recebi seu coração.
Eu esperava meu anjo e descobri uma ilusão
Voltando ao passado
Eu te digo: eu te amo!